There is no single model for invitation letters, but some items are necessary, such as: complete name of the applicant, nationality, purpose of the trip and intended period of stay. The letter must be notarized in Brazil and the original document must be sent to the applicant, so that he or she may present it to the consular authority when applying for the visa.
e-Visa has 5 sub-categories viz. e-Tourist Visa(for 30 days/01 year/ 05 years) ,e-Business Visa, e-Medical Visa, e-Medical Attendant Visa and e-Conference Visa. A foreigner (other than those applying for e-Conference Visa) will be allowed to club activities permitted under these categories. Foreigners applying for e-Conference visa will be permitted to club the activities permitted under e-Tourist visa only (validity co-terminus with e-Conference Visa only i.e. 30 days). Only two e-Medical Attendant Visas will be granted against one e- Medical Visa.
Technical information for e-visa: This site is best viewed in Mozilla Firefox,Google Chrome,Internet Explorer (Windows) version 9.0 and above.The applicant must also have Adobe Acrobat Reader version 7.0 or higher installed on your PC in order to download and print the completed application form. This website is compatible with Android and IOS devices.
1. Em primeiro lugar, sua escola ou universidade te enviará um formulário confirmando sua aceitação em uma instituição autorizada pelo Serviço de Naturalização e Cidadania dos EUA (USCIS, na sigla em inglês) para matricular estudantes não imigrante (o formulário I-20 para o visto F-1 ou o formulário DS-2019 para o visto J-1). Você deverá ler e assinar esse formulário.
O Governo brasileiro tem identificado alguns casos de estrangeiros que procuram agências ilegais com a finalidade de constituir casamento com cidadãos brasileiros, para obtenção de visto para permanência no Brasil. Em caso de suspeitas de tentativa de imigração irregular, a Autoridade Consular poderá não conceder o visto, e o cidadão brasileiro que participe do referido esquema poderá ser punido por falsidade ideológica. Não deixe de ler a cartilha Casamentos por conveniência para maiores informações.
Todos os nomes de requerentes de vistos são investigados por questões de segurança. Cidadãos e estudantes de alguns países que pretendem estudar algumas matérias específicas na universidade têm que passar por uma triagem adicional, o que acrescenta algumas semanas ao processo. Por isso, é essencial fazer o pedido do visto com bastante antecedência.
O Governo brasileiro tem identificado alguns casos de estrangeiros que procuram agências ilegais com a finalidade de constituir casamento com cidadãos brasileiros, para obtenção de visto para permanência no Brasil. Em caso de suspeitas de tentativa de imigração irregular, a Autoridade Consular poderá não conceder o visto, e o cidadão brasileiro que participe do referido esquema poderá ser punido por falsidade ideológica. Não deixe de ler a cartilha Casamentos por conveniência para maiores informações.
E se eu vendi meus bens para viajar? Se você recebeu a grana recentemente, anexe algo por escrito ou tenha a declaração mostrando a fonte do novo dinheiro. O objetivo é superar qualquer suspeita de que o dinheiro foi emprestado de um amigo para fazer a situação financeira ficar melhor do que é na realidade temporariamente. Mas não tem problema você pode ter vendido o carro pra pagar as despesas da viagem, por exemplo;
A política de concessão de vistos para entrada em território norte-americano é muito rigorosa. Além disso, dependendo das políticas de relacionamento internacional adotadas pelo governo, essas regras podem mudar, adotando critérios mais ou menos rigorosos. Mesmo os estudantes que pretendem freqüentar instituições norte-americanas devem providenciar uma série de documentos que permitam sua entrada legal no país.
Além do formulário de solicitação de visto, um passaporte válido por pelo menos seis meses além do tempo de viagem pretendido, uma foto recente 5x5 cm, o formulário de solicitação de visto (DS-156) e, se maior de 16 anos, o formulário complementar de solicitação de visto (DS-157) devidamente preenchidos, o interessado deverá apresentar o recibo de pagamento da taxa de solicitação de visto feita antecipadamente no Citibank (o valor da taxa varia de acordo com o tipo de visto).
The documents required for completing the eVisa application is indicated against each type of eVisa. Please keep all these documents ready at hand before beginning to fill your eVisa application. All documents including Business cards, Invitation letters etc. must be in English language, failing which the application would be liable for rejection. The entire process may take 10 to 15 minutes to complete the application and make the payment.Applicants must be fill eVisa application himself/herself and give correct information in each column and take responsibility for the correctness of information provided.
William Fish reúne-se regularmente com agentes de assuntos consulares dos EUA em Washington, D.C. e em embaixadas e consulados no exterior. Ele é presidente do Conselho Internacional de Educação de Washington (Washington International Education Council), que promove intercâmbios internacionais educativos. Ele pode ser contatado por email em wfish@washcouncil.org e no site www.washcouncil.org.

The documents required for completing the eVisa application is indicated against each type of eVisa. Please keep all these documents ready at hand before beginning to fill your eVisa application. All documents including Business cards, Invitation letters etc. must be in English language, failing which the application would be liable for rejection. The entire process may take 10 to 15 minutes to complete the application and make the payment.Applicants must be fill eVisa application himself/herself and give correct information in each column and take responsibility for the correctness of information provided.

Foreigners who want to apply for a visa to travel to Brazil should contact the Brazilian Representations abroad to obtain more information about the subject. Click here to access the full list of the Brazilian Consular Network or here for contact information of the Immigration Division (DIM), the area responsible for coordinating the issuance of Brazilian visas abroad.


William Fish reúne-se regularmente com agentes de assuntos consulares dos EUA em Washington, D.C. e em embaixadas e consulados no exterior. Ele é presidente do Conselho Internacional de Educação de Washington (Washington International Education Council), que promove intercâmbios internacionais educativos. Ele pode ser contatado por email em wfish@washcouncil.org e no site www.washcouncil.org.
c) Visto de Cortesia: concedido a personalidades  e  autoridades estrangeiras em viagem não oficial ao Brasil; companheiros (as), independentemente de sexo, dependentes e outros familiares que  não  se  beneficiem  de  Visto Diplomático ou Oficial  por  reunião  familiar; trabalhadores domésticos de Missão estrangeira sediada no Brasil ou do Ministério das Relações Exteriores; artistas e desportistas estrangeiros que viajem ao Brasil para evento de caráter gratuito e eminentemente cultural.
Um fax ou e-mail de sua escola nos EUA para a embaixada ou consulado americano de sua cidade, contendo detalhes de suas qualificações e pedindo que para que eles reconsiderem a decisão, poderá ser útil no processo da apelação bem sucedida. O fax deverá ser enviado ao Chefe de Vistos de Não-imigrante no posto consular em questão. Os números de fax e telefone estão disponíveis no site do Departamento de Estado em usembassy.state.gov. Veja em “Contact us.”
Esteja preparado para fornecer todas suas informações de maneira rápida e completa. Se não conseguir responder às perguntas em inglês, ou se o agente consular não falar a sua língua, você pode pedir um intérprete. Falar inglês não é uma exigência para se obter o visto de estudante. Na verdade, milhares de estudantes vão aos Estados Unidos todos os anos para aprender inglês.

É importante lembrar que, os estudantes estrangeiros não têm autorização do governo para trabalhar fora do Campus da universidade. Apenas depois de um ano acadêmico, o aluno poderá trabalhar até 20h dentro do Campus. Entretanto, a remuneração referente a esse tipo de trabalho não é considerada suficiente para custear os estudos (saiba mais sobre possibilidade de trabalho nos Estados Unidos clicando aqui).

Um estudante que pretenda frequentar uma universidade ou outra instituição acadêmica nos Estados Unidos deve requerer um visto de estudante (F-1). Aqueles que desejam  cursar  uma instituição profissional ou não-acadêmica precisam solicitar o visto não-acadêmico (M-1). As pessoas que possuirem visto de turismo (B-2) ou as pessoas que viajarem aos Estados Unidos utilizando o Visa Waiver Program (Programa de Isenção de Visto) não podem estudar em cursos de período integral. O visto de turista só pode ser usado para frequentar cursos de curta duração que não ofereçam crédito acadêmico ou profissional, como um curso de inglês de curta duração, por exemplo, Por favor, observe que o número de horas de aula não é um fator para determinar o tipo correto de visto. Para mais informações sobre visto de estudante, por favor clique aqui. Você pode também, entrar em contato com um dos escritórios do EducationUSA mais próximo de você para obter informações sobre como estudar em faculdades e universidades nos Estados Unidos.
The visit visa will be issued to foreigners traveling to Brazil for staying up to 90 days without purposes of immigration or the exercise of paid activity (daily allowances, artistic paychecks, compensation or other travel expenses are allowed). Visit visas can be granted for those traveling for tourism, business, transit, artistic or sports activities, study, volunteer work, or to attend to conferences, seminars or meetings, among other purposes - provided there is no remuneration in Brazil and the stay does not exceed 90 days.
O visto J-1, é popularmente conhecido nos programas de au pair ou work experience. Embora o intuito principal deste visto seja o trabalho, os portadores do visto J também podem estudar.O Visto J também é utilizado para programas de “trainee”, onde estudante graduados e com experiência na sua área de formação podem participam de um programa de treinamento passando por diversos setores dentro de uma empresa americana. Este visto não é vinculado com o formulário I-20, mas sim com o DS-2019.

Brazil adopts a policy of reciprocity regarding visas. This means that nationals of countries that require visas for Brazilian citizens will need a visa to travel to Brazil. According to the Brazilian law, Brazil must agree, on a reciprocal basis, to offer visa waiver to nationals of another country, except for the hypotheses established in the Decree 9.731 / 2019. Brazil has signed visa exemption agreements with about 90 countries.
The visit visa will be issued to foreigners traveling to Brazil for staying up to 90 days without purposes of immigration or the exercise of paid activity (daily allowances, artistic paychecks, compensation or other travel expenses are allowed). Visit visas can be granted for those traveling for tourism, business, transit, artistic or sports activities, study, volunteer work, or to attend to conferences, seminars or meetings, among other purposes - provided there is no remuneration in Brazil and the stay does not exceed 90 days.
The applicant after filling details on https://indianvisaonline.gov.in/ clicks 'Pay Now'. The applicant is redirected to Axis Bank payment gateway page and is presented with payment options like MasterCard and VISA. Cardholder enters his card number, expiry date, Name and CVV value and clicks 'Pay Now'. Incase cardholder Bank is enabled for 3D secure, then a page will appear for the cardholder to entire either his/her OTP/3D secure password. Else transaction would be processed. After successful completion of transaction, the applicant is redirected on to the https://indianvisaonline.gov.in/ with a successful receipt of payment.
Um estudante que pretenda frequentar uma universidade ou outra instituição acadêmica nos Estados Unidos deve requerer um visto de estudante (F-1). Aqueles que desejam  cursar  uma instituição profissional ou não-acadêmica precisam solicitar o visto não-acadêmico (M-1). As pessoas que possuirem visto de turismo (B-2) ou as pessoas que viajarem aos Estados Unidos utilizando o Visa Waiver Program (Programa de Isenção de Visto) não podem estudar em cursos de período integral. O visto de turista só pode ser usado para frequentar cursos de curta duração que não ofereçam crédito acadêmico ou profissional, como um curso de inglês de curta duração, por exemplo, Por favor, observe que o número de horas de aula não é um fator para determinar o tipo correto de visto. Para mais informações sobre visto de estudante, por favor clique aqui. Você pode também, entrar em contato com um dos escritórios do EducationUSA mais próximo de você para obter informações sobre como estudar em faculdades e universidades nos Estados Unidos.
Cidadãos de outros países que desejam obter visto para viajar ao Brasil devem contatar as Representações Consulares brasileiras no exterior para obter mais informações sobre o pedido. Clique aqui para acessar a lista completa da Rede Consular brasileira (ou aqui para informações de contato da Divisão de Imigração (DIM), área responsável pela coordenação da emissão de vistos no exterior).
O Processo de Bolonha veio promover ações conjuntas no âmbito do ensino superior dos países pertencentes à União Europeia, implicando a uniformização dos estudos europeus e elevando a sua competitividade internacional. Por conseguinte, este processo veio a permitir uma maior empregabilidade e destaque dos alunos que possuem no seu currículo uma experiência acadêmica europeia.
Um outro site (https://travel.state.gov/content/travel/en/us-visas/visa-information-resources/wait-times.html) poderá informar também sobre o tempo de espera para solicitar o visto em seu país. Requerentes internacionais de visto de estudante devem ter prioridade na embaixada ou consulado. Assim sendo, se o seu curso acadêmico for começar logo, deixe isso bem claro ao solicitar o visto.
Todo cidadão estrangeiro que solicite vistos à Rede Consular brasileira poderá fazer elogios, críticas ou sugestões sobre os serviços prestados via Ouvidoria Consular. Seu feedback é muito importante para a constante avaliação dos nossos serviços, então não deixe de fazer seu comentário! Críticas de cidadãos que tiverem seus vistos negados serão recebidas e processadas apenas se tiverem o devido embasamento (em casos de mau atendimento, por exemplo). No entanto, críticas à Ouvidoria não poderão reverter a situação de seu visto.  
Estudar em Portugal é uma oportunidade não apenas para aprofundar o seu conhecimento numa das excelentes universidades existentes no país, ou mesmo começar a estudar algo novo que lhe interessa, mas também para desenvolver sua network profissional ou ainda para ter mais chances de contratação, caso deseje buscar uma oportunidade de emprego em Portugal.
Podem também ser isentos de algumas taxas dos vistos concedidos para a realização de atividades de investigação, para beneficiários de bolsa de estudos, assim como para investigadores que possuam contrato de investigação assinado com um centro de investigação. Se for esse o seu caso, para solicitar o seu visto, clique aqui (mas só se for bolsista ou investigador contratado).
Vai estudar durante 4 anos? Se você for fazer um curso de longa duração, deve mostrar indicações que seus anos adicionais serão cobertos também. O governo dos EUA não espera que você possa pagar todos os anos de educação imediatamente, mas espera que você mostre de onde virá o dinheiro. E claro, você não pode contar que vai arrumar um emprego no campus e arcar com as despesas para poder pagar os anos seguintes, mas sim, que tem recursos ou um responsável financeiro. O pai que recebe salário e vai poder te mandar o montante para fazer os pagamentos, por exemplo.
Se você retornará para seu país para fazer um curso universitário após estudar inglês nos Estados Unidos, traga um documento que comprove que a sua condição de estudante em seu país. Uma carta de um professor universitário apoiando seu plano de estudo poderá ser útil. Jovens de todo o mundo quase sempre não têm certeza sobre seus planos futuros. Entretanto, na entrevista do visto, é melhor dar respostas definidas. Se você parecer incerto sobre o que pretende fazer, o agente consular poderá pensar que você, na realidade, quer ir aos Estados Unidos por outros motivos que não sejam sua educação.
Podem também ser isentos de algumas taxas dos vistos concedidos para a realização de atividades de investigação, para beneficiários de bolsa de estudos, assim como para investigadores que possuam contrato de investigação assinado com um centro de investigação. Se for esse o seu caso, para solicitar o seu visto, clique aqui (mas só se for bolsista ou investigador contratado).
International travellers whose sole objective for visiting India is recreation, sight seeing,casual visit to meet friends and relatives, attending a short term yoga programme,Short term courses on local languages, music, dance, arts & crafts, cooking, medicine etc. which should not be a formal or structured course/programme (courses not exceeding 6 months duration and not issued with a qualifying certificate/ diploma etc),Voluntary work of short duration (for a maximum period of one month, which do not involve any monetary payment or consideration of any kind in return), medical treatment including treatment under Indian systems of medicine, business purpose, as attendant to e-Medical visa holder, attending a conference/ seminar/ workshop organized by a Ministry or Department of the Government of India, State Governments or UT Administrations etc. & their subordinate/ attached organizations & PSUs and private conferences organized by private persons/companies/organizations.
No exemplo da UC Berkeley, você precisa apresentar de $24 à $34 mil dependendo das opções de moradia. Se você for pro college, o modelo é parecido e você pode verificar os valores no site do college que pretende estudar. Esta informação, obrigatoriamente deve constar lá. Lembrando que os valores para residentes da Califórnia e estudantes internacionais são bem diferentes. O seu sempre será o maior 🙁
Aqueles que procuram uma colocação profissional como au pair precisam solicitar um visto de intercâmbio (vistos J-1) através do patrocínio de um programa de intercâmbio aprovado e supervisionado pelo Escritório de Assuntos Educacionais e Culturais (Bureau of Educational and Cultural Affairs). Qualquer um que queira participar deste tipo de programa deve contatar a organização diretamente.
Além do formulário de solicitação de visto, um passaporte válido por pelo menos seis meses além do tempo de viagem pretendido, uma foto recente 5x5 cm, o formulário de solicitação de visto (DS-156) e, se maior de 16 anos, o formulário complementar de solicitação de visto (DS-157) devidamente preenchidos, o interessado deverá apresentar o recibo de pagamento da taxa de solicitação de visto feita antecipadamente no Citibank (o valor da taxa varia de acordo com o tipo de visto).
A categoria de visto de visitante de intercâmbio (J) é dada a pessoas aprovadas a participar em programas de visitantes de intercâmbio nos EUA, de acordo com a lei de imigração dos EUA. Isso quer dizer que antes que você possa solicitar um visto J junto à Embaixada ou Consulados, você precisa se candidatar, preencher os requisitos e ser aceito por um uma das categorias de Programas de Visitantes de Intercâmbio através de uma organização patrocinadora designada. Se você for aceito como participante no programa, o patrocinador vai lhe fornecer as informações e documentação necessárias para a solicitação de um visto J para entrar nos EUA.
Estudantes de escolas técnicas: Os estudantes matriculados em escolas técnicas recebem o visto M. Porém é importante lembrar que, caso o estudante entre no país com um visto M e depois decida se transferir para um "College", "University" ou curso intensivo de inglês, sob hipótese alguma será possível mudar o visto de M para F. Entretanto, caso a opção do estudante for a inversa, ou seja, entrar nos Estados Unidos com um visto F e mudar para o M, o procedimento é possível desde que o ele solicite sua transferência para uma escola técnica.
Qualquer pessoa que pretenda ir aos Estados Unidos para exercer uma função pré-combinada, treinamento ou pesquisa no âmbito de um programa aprovado oficialmente e patrocinado por uma instituição de ensino ou outra instituição sem fins lucrativos, precisa de um visto de intercambista (J-1). Solicitantes deste visto incluem estudantes de pós-graduação, estrangeiros graduados em medicina buscando pós-graduação e especialização em medicina, acadêmicos estrangeiros patrocinados por universidades como docentes temporários e alguns profissionais estagiários. Além disso, há vários programas de intercâmbio para jovens, como programas de emprego de verão, programas de estágio para universitários e programas au pair (veja a seção Au Pair abaixo).
O Itamaraty é o órgão do Governo brasileiro responsável pela concessão de vistos, o que ocorre por meio das Embaixadas, Consulados-Gerais, Consulados e Vice-Consulados do Brasil no exterior. Vistos brasileiros jamais serão concedidos no território nacional. Sendo assim, não será possível obter seu visto em aeroportos, portos ou qualquer ponto de entrada da fronteira brasileira. Da mesma forma, o Itamaraty e a Polícia Federal (órgão responsável pelo controle migratório nas fronteiras brasileiras) não poderão autorizar a entrada de cidadãos estrangeiros sem o visto adequado.

Study in the USA tem compartilhado oportunidades educacionais com estudantes internacionais por mais de 40 anos. Nós só trabalhamos com escolas credenciadas da mais alta qualidade e com parceiros de reputação impecável. StudyUSA+ ajuda os estudantes a se beneficiarem dessas oportunidades desde a descoberta até a matrícula, tudo isso em uma plataforma segura.
Teresa (Carmen Machi) ve apagarse Fuentejuela de Arriba, la pequeña aldea de la montaña donde ha vivido toda su vida. Pero el pueblo recibe una visita inesperada: en medio de la nieve aparece un desubicado grupo de africanos… cuya llegada conmociona la aldea. Teresa lo tiene claro: huidos de una situación de explotación a la que habían llegado engañados, los africanos quieren quedarse en España como sea… y esa puede ser la solución al problema de falta de habitantes en el pueblo. Con ayuda de sus amigos Jaime (Pepón Nieto), y el “Guiri” (Jon Kortajarena) decide ocultarlos y armar un plan. Poniendo patas arriba prejuicios y expectativas, los recién llegados y los habitantes locales trabajarán juntos para que su hogar continúe existiendo.
A categoria de visto de visitante de intercâmbio (J) é dada a pessoas aprovadas a participar em programas de visitantes de intercâmbio nos EUA, de acordo com a lei de imigração dos EUA. Isso quer dizer que antes que você possa solicitar um visto J junto à Embaixada ou Consulados, você precisa se candidatar, preencher os requisitos e ser aceito por um uma das categorias de Programas de Visitantes de Intercâmbio através de uma organização patrocinadora designada. Se você for aceito como participante no programa, o patrocinador vai lhe fornecer as informações e documentação necessárias para a solicitação de um visto J para entrar nos EUA.
O Itamaraty é o órgão do Governo brasileiro responsável pela concessão de vistos, o que ocorre por meio das Embaixadas, Consulados-Gerais, Consulados e Vice-Consulados do Brasil no exterior. Vistos brasileiros jamais serão concedidos no território nacional. Sendo assim, não será possível obter seu visto em aeroportos, portos ou qualquer ponto de entrada da fronteira brasileira. Da mesma forma, o Itamaraty e a Polícia Federal (órgão responsável pelo controle migratório nas fronteiras brasileiras) não poderão autorizar a entrada de cidadãos estrangeiros sem o visto adequado.
O visto de visita será concedido ao nacional de outro país que viaje ao Brasil para estadas de até noventa dias, sem qualquer intuito imigratório ou de exercício de atividade remunerada, salvo a título de diária, ajuda de custo, cachê, pró-labore ou outras despesas com a viagem. O visto de visita poderá ser concedido para viagens com fins de turismo, negócios, trânsito, realização de atividades artísticas ou desportivas, estudo, trabalho voluntário, ou para participação em conferências, seminários, congressos ou reuniões, entre outras atividades, - desde que não haja recebimento de remuneração no Brasil e a estada não seja superior a noventa dias.  Para mais informações sobre o Visto de Visita, clique aqui.
O valor que você precisa ter vai depender da escola e do tipo de curso que você pretende fazer. Os valores mencionados acima, são o mínimo exigido pelo governo. No entanto, se o valor do seu programa, custar 3 vezes o sugerido acima, você precisa ter no mínimo o montante total do curso para fazer sua matrícula. Então, questione a escola para saber quanto você precisa! Se você for morar na opção de moradia da escola é provável que os valores dobrem devido aos custos do aluguel.
A categoria de visto de visitante de intercâmbio (J) é dada a pessoas aprovadas a participar em programas de visitantes de intercâmbio nos EUA, de acordo com a lei de imigração dos EUA. Isso quer dizer que antes que você possa solicitar um visto J junto à Embaixada ou Consulados, você precisa se candidatar, preencher os requisitos e ser aceito por um uma das categorias de Programas de Visitantes de Intercâmbio através de uma organização patrocinadora designada. Se você for aceito como participante no programa, o patrocinador vai lhe fornecer as informações e documentação necessárias para a solicitação de um visto J para entrar nos EUA.
×